Genarc, de Itumbiara, prende traficante de Caldas Novas com drogas para vender no Carnaval

Publicado em 05/03/2014 -
Fonte: A A A

Fernando Miranda Vilaça, o Cabelo

Um traficante teve um grande prejuízo por conta da ação de Policiais Civis, do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (Genarc), da 6ª Delegacia Regional de Polícia, de Itumbiara. Por volta das 2 horas da madrugada do último domingo, em Caldas Novas, o traficante Fernando Miranda Vilaça, o Cabelo, 26 anos, foi surpreendido ao ser preso pelos policiais com drogas já prontas para comercialização. Com ele, os Policiais Civis apreenderam 108 comprimidos de Ecstasy, 49 tubos de lança-perfume, 72 papelotes de cocaína, 32 papelotes de crack e 800 gramas de cocaína sólida. A droga, que seria vendida no Carnaval, foi apreendida escondida no carro e na casa do traficante, no  Bairro Turista II, em Caldas Novas.  

Proprietário de uma Loja de Conveniência, localizada em um posto de combustíveis na saída de Caldas Novas para Ipameri, Cabelo já era alvo de investigações por parte da Polícia Civil.  Ele é apontado como o maior varejista de drogas sintéticas e lança-perfumes de Caldas Novas. O traficante vendia as drogas em festas de música eletrônica e em outros tipos de shows que regularmente acontecem na cidade, conhecida pelas águas quentes.

Drogas apreendidas com o traficante Cabelo, em Caldas Novas

De posse de informações sobre o traficante, os  Policiais Civis o seguiram pela noite. Por volta das 2 horas da madrugada, o abordaram nas proximidades do local do festival de música eletrônica, que tinha como principal atração o DJ internacional Fat Boy Slim. Varejista no mundo do tráfico de drogas, ele levava pequena quantidade de drogas em seu carro para vender aos usuários e participantes do evento. Fernando Miranda foi autuado em flagrante pelo Delegado de Polícia Rilmo Braga, Coordenador do  Genarc, de Itumbiara, cuja área de atuação abrange também Caldas Novas.

Texto: Delegado de Polícia Norton Luiz Ferreira – Assessor de Comunicação da Polícia Civil
Foto: Polícia Civil / Genarc

Fonte: A A A
Publicado por:


Curtir no Facebook

Espalhe na rede

Desenvolvido por - GIT