Polícia Civil realiza Operação de repressão à pesca predatória em Cumari

142

A Delegacia de Polícia de Cumari realizou a Operação Cota Zero no Rio Veríssimo na manhã desta quinta-feira (13). O rio fica situado na divisa dos municípios de Cumari e Corumbaíba e a operação visou reprimir a pesca predatória.

Durante as diligências, realizadas com uso de três barcos motorizados e coletes apropriados, as equipes da Polícia Civil flagraram os suspeitos Cláudio Honorato Pereira, Wacelis Rodrigues Alcântara, Francisco Antônio Vaz, Edson Antônio da Silva, Ideon Antônio da Silva, Juvenil Antônio da Silva e Genelvino Valdivino da Silva . Alguns estavam na margem e outros ainda no leito do curso d’água, logo após terem lançado no Rio instrumentos de pesca ilegais, como redes, centenas de metros de espinhéis e jequi (espécie de armadilha utilizada em pesca), os quais caracterizam pesca predatória.

Deste modo, os suspeitos receberam voz de prisão e foram encaminhados à delegacia de Cumari, onde foram autuados em flagrante delito pela prática do crime tipificado na Lei de Crimes Ambientais.

Após o depósito das fianças, cujos valores chegaram a até R$3.000,00, dependendo da conduta e participação de cada autuado na ação criminosa, os autuados foram colocados em liberdade. Ainda durante a Operação, foram apreendidos com os autuados dois barcos, dois motores de popa, dois tanques de combustível (25lts), redes, jequi, centenas de metros de espinhéis e cerca de 25kg de pescado (doados a entidade de caridade).