Condenado por sequestrar gerente de banco, foragido da Justiça do Ceará, é preso em MT com auxílio da PCGO

81

Uma ação conjunta entre o Grupo de Capturas e o Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (Genarc) de Anápolis – com a participação da Polícia Civil de Mato Grosso – resultou na prisão de um homem, de 31 anos, condenado a 24 anos e 9 meses, por prática de falsa identidade, extorsão e extorsão mediante sequestro de um gerente de banco no Estado do Ceará, suspeito de integrar uma associação criminosa especializada em assalto a banco. A partir de uma denúncia anônima, os policiais civis de Anápolis receberam a informação de que um foragido do sistema penitenciário do Estado do Ceará estava residindo na cidade.

O indivíduo foi condenado por extorsão, falsa identidade e extorsão mediante sequestro de um gerente de banco na cidade de Cascavel (CE), em junho de 2013, e cumpria pena num presídio em Fortaleza, de onde fugiu em 2016. Iniciadas as buscas pelo foragido em Anápolis, os policiais civis apuraram que ele não estava mais na cidade e que havia saído do Estado em direção ao norte do país.

Diante disso, os policiais civis goianos passaram a monitorar todos os passos do foragido e, no domingo 06, conseguiram informações de que ele estaria em Sinop, Mato Grosso. Após contatar o delegado da cidade, os policiais mato-grossenses iniciaram diligências e conseguiram encontrá-lo em uma loja de conveniência de Sinop.