Operação Velhaco: policiais civis cumprem buscas em condomínio de luxo

670

A Polícia Civil de Goiás, por meio da 22ª Delegacia Distrital de Polícia (DDP) de Goiânia, deflagrou na manhã da última quarta-feira (19), a Operação Velhaco, cujo objetivo foi dar cumprimento ao mandado de busca e apreensão em desfavor do investigado Pedro Henrique Braz de Lima, de 32 anos. O mandado foi cumprido na residência do investigado, em um condomínio de luxo da capital.

O mandado foi expedido pela 7ª Vara Criminal de Goiânia, após representação da Autoridade Policial, em decorrência das investigações empreendidas em inquérito policial que apura o crime de estelionato ocorrido no dia 19 de agosto do ano passado.

Durante as buscas, foram localizados vários objetos de origem duvidosa, aparentemente produtos do crime de estelionato, bem como um total de 8.040 carteiras de cigarros de procedência nacional, porém com registro precário junto à Anvisa por força de decisão liminar.

O investigado possui em seu desfavor vários registros policiais pelos crimes de estelionato e uso de documento falso e, no decorrer das investigações, restou comprovado que ele se apresenta como amigo de autoridades e pessoas publicamente conhecidas com a finalidade de persuadir suas vítimas para auferir a vantagem indevida.

Delegado responsável: Wellington Lemos.