DPCA Goiânia prende em Anápolis suspeito de estupro à enteada

287

A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) de Goiânia, efetuou nesta quinta-feira (29) o cumprimento de mandado de prisão preventiva expedido contra um indivíduo de 30 anos de idade em razão da prática do crime de estupro de vulnerável. A vítima é sua própria enteada, menor de idade (07 anos).

O crime ocorreu no dia 02 de março de 2021, no Jardim América, nesta capital. O abuso ocorreu dentro da residência da família enquanto a mãe da menor estava trabalhando. O autor, já preso, confessou o crime afirmando que foi um momento de fraqueza, narrando que, no ano de 2020, chegou a abusar da menor passando a mão por cima da roupa, mas nessa ocasião, a criança, com 06 anos, não contou para ninguém. Já em 2021, o ato foi mais grave e a vítima contou para um familiar, que procurou a Polícia.

O investigado se mantinha escondido em Anápolis até esta quinta-feira, quando foi capturado no Residencial Ipanema. A pena máxima para o crime é de 15 anos de reclusão.