Cibernéticos cumpre buscas contra ex-funcionário de empresa de Goianésia suspeito de invadir sistema informático e disparar mensagens em massa

167

A Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos (DERCC) da Polícia Civil de Goiás, após 11 meses de intensas investigações, deu cumprimento a mandado de busca e apreensão na residência de um homem, de 27 anos de idade, apontado como responsável pela invasão do sistema informático de uma grande empresa cuja sede se localizada em Goianésia. Os mandados foram cumpridos ontem (09) na referida cidade.

O investigado é morador de Goianésia e já foi estagiário na empresa vítima. As diligências apontaram que, por meio da invasão ao sistema informático da empresa sucroenergética, o autor disparou mais de 4000 SMS, simulando que a mensagem disparada seria oriunda de funcionário da empresa, o que gerou prejuízo à imagem e credibilidade da pessoa jurídica.

Por meio das buscas domiciliares, a equipe da DERCC, com apoio de equipe da 15ª Delegacia Regional de Polícia de Goianésia, conseguiu apreender computadores, aparelhos celulares, pendrives, documentos e caderno com anotações que agora serão analisados.

O crime de invasão de sistema informático é apenado com até 04 anos de reclusão, podendo ser aumentada a pena em até 2/3 se restar comprovado que houve prejuízo financeiro para a empresa vítima.