Cibernéticos prende suspeito de exploração sexual de menor

483

A Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos (DERCC) prendeu em Crixás um homem de 39 anos suspeito de exploração sexual de adolescentes pela internet. As investigações foram iniciadas a partir de um relatório de inteligência. Por meio do relatório, os policiais conseguiram identificar o suspeito e o adolescente de 13 anos que foi vítima do crime.

A Polícia Civil representou judicialmente pela prisão do suspeito e busca e apreensão domiciliar, que foram deferidas pelo Poder Judiciário.

O autor trabalhava na coordenação da escola onde estudava a vítima. A polícia encontrou indícios, por meio do celular do suspeito, que ele utilizava do ambiente de trabalho para atrair sexualmente jovens garotos.

A DERCC concluirá as investigações e, no prazo legal, remeterá o inquérito policial à Justiça de Crixás.