Decon apreende 275 quilos de produtos inadequados para o consumo

475

WhatsApp Image 2017-04-28 at 07.24.58Policiais civis da Decon (Delegacia Estadual de Repressão a Crimes contra o Consumidor) deflagraram nesta semana mais uma etapa da Operação “Olho Vivo”, em parceria com a Vigilância Sanitária Municipal. O objetivo da operação foi verificar denúncias relatando que um açougue, localizado no Parque Santa Cruz, estaria em más condições de higiene.

No local vistoriado, os policiais constataram o estado precário da estrutura física do estabelecimento comercial, além de inadequadas condições higiênico-sanitárias. Ainda, o estabelecimento desobedecia lei municipal ocupando a calçada de passeio público com uma câmera fria, que não apresentava condições de armazenamento de produtos alimentícios.

Entre as irregularidades, foi encontrado contêiner enferrujado na segunda câmera fria, onde carnes diversas eram acondicionadas, e ainda, expositores com borrachas sem aderência, que não mantinham a temperatura adequada, nem evitavam o contato com insetos. Além disso, foram encontradas carnes picadas acondicionadas em caixas inadequadas, expostas a insetos, sendo secadas através da liberação do calor do compressor de ar condicionado. Essas carnes eram comercializadas em embalagens plásticas, sem etiqueta que identificasse origem e data de validade.WhatsApp Image 2017-04-28 at 07.25.00

De acordo com o delegado Rodrigo do Carmo Godinho, o local foi interditado e a ação resultou na apreensão de 275 quilos de produtos. “Diante da evidência de crime contra as relações de consumo, foi instaurado Inquérito Policial para apuração de infrações penais”, concluiu Godinho.