Decon e 15ª DDP estouram galpão usado para fabricar roupas e aviamentos falsificados

443

A Polícia Civil deflagrou, na tarde dessa quinta-feira (10), operação em um galpão em Goiânia utilizado para fabricar aviamentos ostentando identificações de marcas famosas de vestuário. A operação ocorreu após compartilhamento de informações entre os policiais civis da 15ª Delegacia Distrital de Polícia (DDP) da capital e da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes contra o Consumidor (Decon).

No imóvel, localizado no bairro São Francisco, foram apreendidos milhares de botões, rebites, etiquetas e moldes para a fabricação dos materiais. “São peças que trazem nomes de marcas nacionais famosas que estavam sendo produzidas sem autorização”, afirmou o delegado Germano Castro, da 15ª DDP.

Além dos aviamentos, os investigadores também apreenderam anotações que aparentam ser encomendas de peças, bem como o maquinário utilizado na produção dos bens. “São dez máquinas diferentes que o investigado alegou ter comprado por R$ 50 mil, no estado de São Paulo”, explicou o delegado Gylson Ferreira, da Decon.

Durante a ação policial, o responsável pelo material foi encaminhado à delegacia, onde foi ouvido e liberado, pois trata-se infração de menor potencial ofensivo e não cabe o encarceramento imediato do investigado.

As investigações seguem para que a Polícia Civil identifique pessoas que possam ter negócios e ligações com o suspeito, que mora em Jaraguá. O autor responderá por produto assinalado com marca ilicitamente reproduzida, previsto nos crimes contra a propriedade industrial.