Denarc prende homem suspeito de comercializar drogas e medicamentos proibidos

176

A Polícia Civil do Estado de Goiás, por intermédio da Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (Denarc), efetuou ontem (04) a prisão de um homem que estava comercializando drogas do tipo “haxixi” e maconha “colombiana”, além de esteróides anabolizantes, os quais são de uso proibido em todo o território nacional, nos termos da Portaria SVS/MS 344/98. A prisão ocorreu em um conjunto residencial em Goiânia e foi resultado de uma investigação prévia deflagrada por meio de denúncia anônima, na qual se relatou que um indivíduo, em um veículo Honda/Civic, estaria traficando drogas na região, sendo que ele receberia os produtos ilícitos diretamente em sua residência e depois revendia para a clientela.

De posse dessa informação, os investigadores iniciaram o acompanhamento do indivíduo, sendo que o flagraram recebendo uma caixa média de cor parda em sua residência, momento em que imediatamente foi abordado pelos policiais. Ao ser indagado, ele confessou que na caixa continha drogas e que no interior de sua residência havia também balança de precisão e materiais para embalamento do entorpecente. Depois de o suspeito ter autorizado a entrada dos policiais civis, estes localizaram dentro do imóvel: duas balanças de precisão de cor branca; um rolo de papel filme utilizado para o embalamento da droga; R$ 222,00 divididos em notas de pequeno valor; uma máquina de débito/crédito de marca “mercado pago”, utilizada provavelmente para facilitar a venda de drogas à clientela do suspeito; um aparelho celular pertencente ao suspeito, bem como também foi apreendido o veículo de marca/modelo Honda/Civic de cor branca, que era apontado na denúncia com sendo o utilizado pelo suspeito para traficar de forma intensa na região.

Ainda durante a diligência, os policiais encontraram, na residência do suspeito, especificamente em seu quarto, dentro de uma cômoda, três fracos de vidro contendo substância em seu interior, com rótulo indicando testosterona (esteróide anabolizante) e dois frascos de plástico, contendo em seu interior comprimidos pequenos também de esteróide. O suspeito foi conduzido à Denarc, onde foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.