DIH prende dois suspeitos de homicídio no Green Park, em Goiânia

553

A equipe da Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH) prendeu, nessa terça-feira 23, Anderson dos Santos Chagas (vulgo “Totó”) e Ronaldo Ferreira Nunes, responsáveis pela morte da vítima Wilter Johny Teodoro. Wilter foi morto no dia 29 de março do ano passado, no residencial Green Park, em Goiânia.

De acordo com as investigações, Wilter estava jogando futebol com amigos numa praça, quando Anderson e Ronaldo chegaram ao local e aquele efetuou diversos disparos de arma de fogo contra a vítima, que veio a óbito.

A motivação do crime se deve ao possível envolvimento de Wilter na morte do tio de Anderson, Cristiano de Jesus Araújo Lopes, fato ocorrido em 25 de janeiro de 2015.