DIH prende último envolvido em homicídio por torcida organizada

580

A Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH) efetuou a prisão de Marcos Henrique Rodrigues Oliveira, último envolvido na briga de torcidas organizadas, ocorrida em agosto do ano passado, e que resultou na morte de Matheus Capuzo Lourenço Martins. Os outros envolvidos na confusão foram presos em novembro de 2018.

De acordo com as investigações, Matheus, torcedor do Goiás, assistiu ao jogo entre Goiás e Vila Nova com amigos no Setor Itatiaia. Ao deixar o local, o grupo foi reconhecido por torcedores do time rival, que passaram a persegui-lo, até o alcançar na altura do Shopping Passeio das Águas. No local, os torcedores do Goiás foram brutalmente agredidos, momento em que Marcos Henrique disparou contra Matheus, que foi ferido no abdome e morreu no hospital, dois dias depois.

Consta dos autos que, após ferido, Matheus foi colocado no carro pelos amigos para ser levado ao hospital, mas os torcedores do Vila Nova ainda tentaram retirá-lo do veículo para evitar o socorro e continuar com as agressões. Os disparos efetuados no local ainda chegaram a atingir o carro de uma professora que passava pelo local com a filha adolescente.