GIH de Anápolis prende motorista que atropelou mulher e feriu um homem; suspeito responderá por homicídio

162

Os policiais civis do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Anápolis deram cumprimento, na tarde desta terça-feira (9), a um mandado de prisão temporária em desfavor de Jarmildo Bezerra da Silva, 38 anos. Ele é apontado como o condutor do veículo Peugeot 207 responsável por atropelar e matar Rosângela Garcia Ishikawa, bem como lesionar Luiz Henrique Tavares na noite do dia 1º de julho último, na Avenida Ayrton Senna, Setor Parque Brasília, em Anapólis.

No dia dos fatos, Jarmildo discutia com sua namorada próximo a uma lanchonete, ocasião em que foi interpelado por Luiz Henrique, que tentou apaziguar a situação. Segundo testemunhas presentes no local, Jarmildo, que se encontrava bastante agressivo, adentrou em seu veículo, realizou um retorno metros à frente e acelerou o automóvel na direção de Luiz Henrique, que estava conversando com Rosângela, no canteiro central da via. Ambos foram atropelados, tendo Jarmildo fugido sem prestar socorro. Rosângela veio a óbito no local, enquanto Luiz Henrique teve apenas ferimentos leves.

Em seu interrogatório, Jarmildo apresentou uma versão fantasiosa, dizendo que Luiz Henrique teria mencionado estar armado, o que fez com que ele se assustasse e perdesse a direção do veículo, acrescentando ainda que não se recorda bem de como o acidente ocorreu. O autor, que será indiciado por homicídio qualificado e tentativa de homicídio, se encontra recolhido no presídio local, à disposição da Justiça.