Grupo de Repressão a Estupros alinha estratégias com Banco de Perfis Genéticos

83

A delegada titular do Grupo Estadual de Repressão a Estupros (Gere), Karla Fernandes Guimarães, e sua equipe, participaram, no dia 18 de agosto, de reunião com a perita Mariana Mota, coordenadora do Banco de Perfis Genéticos, no Instituto de Criminalística, visando o alinhamento dos encaminhamentos dos investigados a serem incluídos no Banco Nacional de Perfil Genético.

A iniciativa tem como finalidade a adoção de estratégias de atuação que proporcionem a obtenção de resultados ainda mais eficientes na elucidação de crimes de estupro.

Gere
O Gere foi inaugurado no dia 09 de fevereiro de 2021 e tem por atribuição as investigações de crimes contra a dignidade sexual que possuam alta complexidade e necessitem do emprego de ferramentas de tecnologia, análise de perfil do autor e vítima, além de outras técnicas avançadas de investigação criminal.

A atuação do Gere abrange todo o estado de Goiás e é pautada pelo auxílio e troca de informações, especialmente, com delegacias da mulher e de proteção às crianças e adolescentes, bem como as demais unidades que porventura solicitarem apoio técnico na temática.