Homicídios e Polícia Militar prendem autores de chacina

183

Operação integrada entre a Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH), da Polícia Civil de Goiás, e o 42° BPM e GRAER, da Polícia Militar, prendeu autores de chacina ocorrida no dia 4 de abril deste ano, em uma casa no Residencial Três Marias, na capital.

Na ocasião, durante uma festa, foram mortos Antônio Carlos de Jesus Silva, Gustavo Henrique Vascurado Mesquita de Carvalho, Jean Carlos Ribeiro Braga, e Wanderson Inácio Araújo da Silva. Halisson Teles Cândido ficou ferido. As mulheres presentes foram poupadas.

Localizados pela Polícia Militar, Gustavo Luiz Chimango Dias e um adolescente confessaram participação nos homicídios e indicaram Anderson Reis dos Santos, vulgo “Neguinho”, e William de Oliveira, vulgo “Macaco”, como sendo os outros executores da chacina.

A motivação do crime, de acordo com a investigação, está relacionada a desavenças entre membros de facções criminosas rivais.

Vídeos de de câmeras de segurança de uma residência vizinha registraram parte do crime, marcado por cenas cruéis. Uma das vítimas, após alvejada por diversos disparos de arma de fogo no meio da rua, ainda é atropelada propositalmente pelos executores, durante fuga do local.