Operação apreende R$ 1 mi em produtos roubados e falsificados que seriam vendidos na Região da 44

585

Uma operação apreendeu na quinta-feira (5) mais de R$ 1 milhão em roupas e calçados ilegais que seriam vendidos na Região da 44, em Goiânia, e cidades do interior de Goiás. Três pessoas foram presas suspeitas de envolvimento com o crime. A ação aconteceu após a prisão de um homem que se passaria por policial civil para roubar cargas.

O delegado Alexandre Bruno explicou que, na segunda-feira (2), após a prisão desse suspeito de se passar por policial (link abaixo), a polícia conseguiu identificar outros suspeitos e localizar o galpão onde essas cargas estavam guardadas. Os produtos encheram três caminhões.

“São mercadorias roubadas, falsificadas ou com sonegação fiscal. Três pessoas ficaram presas, entre elas a responsável pelos roubos. As outras duas intermediavam os produtos com os lojistas”, disse o delegado.

Conforme o delegado, vários comerciantes que trabalham na Região da 44 e vendedores de cidades do interior estavam no local no momento da operação para reforçar as vendas até o Natal. Eles foram ouvidos e serão investigados.  “Conduzimos 15 pessoas. Algumas sabiam que a mercadoria era irregular e obtinham lucros altíssimos com isso”, disse o delegado.

Decar prende suspeito de roubo a carga que se passava por policial civil