Operação Delivery: Polícia Civil prende suspeitos de se passarem por clientes para roubar motocicleta de entregadores de aplicativo

317

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Veículo Automotores (DERFRVA), deflagrou nesta terça-feira (07) a Operação Delivery visando o cumprimento de três mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisão temporária expedidos contra autores de roubo circunstanciado e de receptação. Eles são suspeitos de subtraírem duas motocicletas de entregadores de refeições e lanche solicitados via aplicativo.

O roubo ocorreu, no dia 20 de maio deste ano, por volta das 23h40min, na Avenida Epicauba, Jardim Helvécia, Aparecida de Goiânia. Os investigados Washington Binha Borges da Silva e Matheus Jesus de Souza, na companhia de um terceiro comparsa, mediante grave ameaça exercida com emprego de armas de fogo, teriam subtraído duas motocicletas pertencentes a dois entregadores prestadores de serviço de entrega, logo após se passarem por clientes e solicitarem, via aplicativo, a entrega de um lanche.

O investigado Matheus Jesus de Souza foi preso, na data de hoje, em sua residência e, em poder dele, foram encontradas três porções de material petrificado, cor amarelada, da substância popularmente conhecida como crack. O suspeito Washington Binha Borges da Silva segue foragido.
Além disso, foi autuado em flagrante delito, também hoje, pela prática do crime de receptação culposa, o indivíduo que estava na posse de um dos aparelhos celulares subtraídos de uma das vítimas.

O outro aparelho celular, da outra vítima, já havia sido recuperado anteriormente e restituído para o legítimo proprietário. Uma das motocicletas roubadas também foi localizada e apreendida desmontada em outra oportunidade.

As imagens dos suspeitos de cometerem os delitos de roubo majorado são veiculadas no intuito de permitirem que testemunhas e outras vítimas possam reconhecê-los, caso tenham cometido outros crimes.