Operação Metal Puro: Decar prende funcionário que desviava cargas de aço da empresa onde trabalhava

593

A Polícia Civil de Goiás, por meio de Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (Decar), deflagrou ontem (19) a Operação Metal Puro, que apurou que um funcionário de uma grande indústria de Aparecida de Goiânia vinha desviando cargas de chapas de aço. De acordo com as investigações, José Werley da Silva Santos se fazia passar, em grupos de WhatsApp de funcionários da empresa, por superiores hierárquicos e determinava a saída de grandes cargas da empresa, sem a emissão das respectivas notas fiscais. Para tanto, ele aliciava funcionários e contava com a ajuda de sua esposa, Maildes Leandro da Silva, que se encontra foragida.

Após uma dessas retiradas, de quase 10 toneladas de mercadoria avaliada em R$ 80 mil, os supervisores da indústria acionaram a equipe da Decar, que localizou a mercadoria desviada no momento que era desembarcada em um galpão de Aparecida de Goiânia.

Foram conduzidos para a sede da especializada cinco pessoas, das quais foram presos em flagrante José Werley da Silva Santos, pelo crime de furto qualificado; e Luis Fernando Ribeiro Barbosa, por receptação.

As informações preliminares dão conta de pelo menos cinco desvios de cargas realizadas pelo investigado. O prejuízo à empresa pode chegar a R$ 1 milhão.

Delegada responsável: Carla de Bem Monteiro.