Operação Narcos S/A: Polícia Civil apreende carga de drogas avaliada em R$ 2 milhões e prende dois em flagrante

566

A Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia de Repressão à Narcóticos (DENARC), realizou, na tarde de ontem (14), a apreensão de um grande carregamento de entorpecentes na cidade de Campestre de Goiás, a cerca de 50 km da capital.

Os policiais civis receberam uma denúncia anônima sobre um veículo Jeep Compass que vinha do estado do Mato Grosso Sul transportando drogas. De imediato, iniciou uma investigação com o intuito de averiguar as informações contidas na denúncia. A equipe da Denarc conseguiu identificar o veículo suspeito e se dirigiu até a cidade de Palmeiras de Goiás com o intuito de interceptar o carregamento de drogas.

Ao avistar o veículo suspeito, os policiais civis deram ordem de parada. Os suspeitos, por sua vez, aceleraram o veículo. Teve início, então, uma perseguição intensa que perdurou por mais de 20 quilômetros, sendo que os dois ocupantes do veículo foram alcançados, efetivamente abordados e presos na cidade de Campestre de Goiás. Dentro do veículo havia cerca de 1 tonelada e meia de entorpecentes, em especial maconha e skunk. O carregamento é avaliado em mais de R$ 2 milhões.

Por meio das diversas etiquetas observadas nas marcações das drogas, os investigadores identificaram que o carregamento apreendido seria distribuído a diversos traficantes da capital, sendo considerado assim um grande consórcio criminoso. Os dois presos são oriundos dos estados do Mato Grosso do Sul e Acre, sendo que um deles é reincidente e já foi preso no estado de Goiás no ano de 2018 como batedor em outro carregamento de drogas. Eles foram presos em flagrante delito por tráfico de drogas.