Polícia Civil prende em Porangatu mulher suspeita de participação no roubo a um motorista de aplicativo; vítima foi esfaqueada

191

A Polícia Civil do Estado de Goiás, por intermédio da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos Automotores (DERFRVA), com auxílio da equipe da Delegacia de Polícia (DP) de Porangatu, concluiu investigação acerca do roubo de um veículo de um motorista de aplicativo. O crime ocorreu na noite do dia 24 de setembro deste ano, em Goiânia ocasião na qual os investigados, além de roubarem o automóvel, esfaquearam a vítima.

No dia do crime, a vítima trabalhava em seu veículo quando foi acionada por uma mulher, para realizar uma corrida a se iniciar no Setor Grajaú e se deslocar até o Jardim Guanabara II, na capital. Entretanto, ao chegar ao local indicado, entraram no veículo dois jovens do sexo masculino. Enquanto o motorista conduzia o automóvel para o local indicado, um dos jovens anunciou o assalto e o outro desferiu dois golpes de faca na vítima. Esta, ferida, conseguiu sair do carro e ser socorrida por populares, enquanto os assaltantes evadiram-se em fuga, subtraindo o veículo.

Após complexa investigação, os policiais civis da DERFRVA descobriram que os suspeitos da prática do fato são adolescentes, mas uma das investigadas, justamente a que acionou o motorista, é maior de idade e havia fugido para a cidade de Porangatu. Assim, compartilharam as informações com os policiais civis da Delegacia da cidade e na segunda-feira (19) uma equipe de lá conseguiu localizar e cumprir o mandado de prisão expedido em desfavor da suspeita do crime, possibilitando a conclusão das investigações.