Polícia Civil prende três suspeitos de sacar benefício previdenciário de terceiros

237

A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio do Grupo de Repressão a Estelionato e Outras Fraudes (Gref), da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic), prendeu, na última quarta-feira (22), três suspeitos de praticarem os crimes de estelionato e uso de documentos falsos.

A prisão em flagrante ocorreu após representantes de uma instituição financeira terem entrado em contato com os investigadores do GREF/DEIC noticiando que um indivíduo, possivelmente utilizando documentos falsos, havia realizado, no dia anterior (21/07), um saque de R$ 4 mil em uma agência bancária. E, na data da prisão, estaria tentando sacar/transferir mais R$ 50 mil em outra agência, localizada na Avenida Goiás, centro de Goiânia. Os valores são referentes ao benefício previdenciário acumulado pelo verdadeiro titular da conta bancária.

De posse dessas informações preliminares, os investigadores, depois de horas de diligências, identificaram e prenderam, além do executor do crime, dois agenciadores (partícipes) que, além de induzirem o primeiro à prática, mais de uma vez, do mesmo crime, também o auxiliaram fornecendo o documento (RG) falso que foi apresentado no banco para o primeiro saque e para a tentativa de um segundo saque dos valores.

Após autuados em flagrante, os três foram recolhidos na Delegacia de Capturas (Decap) e agora estão à disposição da Justiça. As investigações devem ser concluídas em dez dias e novas prisões podem acontecer.