Presa dupla que falsificava documentos e aplicava golpes em bancos

433

Agentes da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic) prenderam, no dia 29 de janeiro, no Setor Planalto, em Goianira, dois homens suspeitos de aplicar golpes em bancos e no comércio. Com Everson Yure Ferreira de Sá Campos, de 27 anos, e Roberto Luiz Ramos, de 37 anos, os policiais apreenderam 11 carteiras de habilitação falsificadas, cartões bancários, além de um computador, e uma impressora que eram usados para as falsificações.

Ambos foram autuados em flagrante por uso de documento falso e estelionato.  Contra Roberto Luiz ainda foram cumpridos dois mandados de prisão preventiva, pela prática dos crimes de estelionato, associação criminosa e falsificação de documento, ambos expedidos pelo Poder Judiciário de Goianira. Segundo o delegado Fábio Meirelles, Roberto é velho conhecido da polícia e chefiava o esquema.

“Ele tem passagens por estelionato em Santa Catarina, no Distrito Federal, e em Goiás. Era ele mesmo quem falsificava, em sua casa, carteiras de habilitação e comprovantes de rendimento e endereço, depois abria contas em bancos, e estourava os limites dos cheques e cartões”, contou o delegado.  De acordo com as investigações, de tempos em tempos, Roberto contratava algumas pessoas para ajudá-lo nos golpes. Everson, inclusive, teria saído de Brasília e vindo para a capital apenas com essa finalidade.

Somente em uma instituição bancária, segundo o delegado, Roberto deu um prejuízo superior a R$ 10 mil. As investigações, que começaram em junho do ano passado, mostram que recentemente ele também tentou dar o golpe em uma concessionária de veículos, mas desistiu quando os funcionários desconfiaram dos documentos apresentados. A polícia trabalha agora no sentido de identificar novas vítimas ou comparsas da dupla.⠀