Presos suspeitos de homicídio e tentativa de homicídio ocorridos no Pq. Industrial João Braz

246

A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio da Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH), obteve êxito em localizar e prender em flagrante os autores de homicídio e tentativa de homicídio ocorridos no Parque Industrial João Braz, na madrugada do dia 1º de agosto, durante uma festa. Os crimes ocorreram durante uma confusão por conta do sumiço de um celular.

A vítima Laila Laiany Souza Portilho, dona do aparelho celular que supostamente havia sido furtado, foi a óbito no local da agressão em decorrência de lesão produzida por arma branca e a vítima Adriano Pessoa Silva foi encaminhada ao hospital com lesões também produzidas por arma branca. Ambos foram esfaqueados durante uma briga generalizada, iniciada por conta de trocas de acusações sobre quem teria pegado o telefone.

A.F.S.M e F.M.S empreenderam fuga após a execução dos crimes e permaneceram escondidos em um imóvel situado no Setor Madre Germana até serem localizados e presos, ocasião em que confessaram o crime e indicaram o local onde esconderam os canivetes utilizados nas agressões.