Operação Neve do Cerrado apreende 1,5 kg de drogas em Águas Lindas; comércio era usado de fachada para tráfico

594

A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (GENARC) de Águas Lindas de Goiás, com apoio do Grupo de Investigações de Homicídios (GIH), coordenados pelo Delegado Cléber Martins, deflagrou nos dias 04 e 05/06, a Operação Neve do Cerrado, que resultou na prisão em flagrante de oito pessoas.

A operação foi resultado de investigações realizadas há alguns meses, sendo identificados traficantes que forneciam drogas para “distribuidoras de bebidas”, que eram usadas de fachada para a venda de cocaína.

Na data de 04/06, os policiais civis cumpriram um mandado de busca e apreensão no bairro Setor 12, endereço do suposto fornecedor das drogas. No local, foram encontrados cerca de 1 quilo e 400 gramas de cocaína, munições, dinheiro e uma balança de precisão. A droga era do tipo chamado “escama de peixe”, versão mais pura do entorpecente. Na ocasião, dois homens foram presos em flagrante. O possuidor da referida casa também é dono de uma distribuidora, onde desenvolvia também a mercancia de drogas, em comunhão de esforços com alguns funcionários.

Já no dia 05/06, o alvo foi uma “distribuidora de bebidas” localizada no bairro Camping Club, local que inclusive já tinha sido alvo de operação anterior do GENARC em dezembro do ano passado. No local, foram encontradas diversas porções de cocaína embaladas e prontas para venda, além de cigarro contrabandeado e dinheiro. A ação resultou na prisão em flagrante de 6 pessoas, sendo que 5 delas eram da mesma família, conhecida na região como “família do tráfico”.

Os presos foram autuados por tráfico de drogas e associação para o tráfico. Se condenados, poderão pegar até 15 anos de prisão, além também da incidência dos crimes de posse irregular de munições, contrabando e crime contra as relações de consumo.