Operação Pneuma: Polícia Civil prende investigados pela prática de estelionato contra lojas de pneus

146

A Polícia Civil de Goiás, por meio da equipe da Delegacia de Polícia (DP) de Silvânia, coordenados pelo Delegado Leonardo Sanches, com o apoio do CAOP e Grupo de Repressão a Narcóticos (Genarc) de Anápolis, cumpriu dois mandados de prisão preventiva e três mandados de busca e apreensão nas cidades de Senador Canedo e Goiânia, em desfavor de dois indivíduos investigados pela prática de estelionatos em lojas revendedoras de pneus. Os mandados foram cumpridos nessa quarta-feira (19), no bojo da Operação Pneuma.

Os investigados são especializados em praticar estelionatos na modalidade “Depósito Fake” e suas principais vítimas são as lojas que revendem pneus. Ambos os investigados já haviam sido presos em flagrante delito, na cidade de Goiânia, no dia 22 de julho último, pela prática do mesmo crime.

Em Silvânia o golpe foi praticado, no dia 08 de agosto deste ano, somente 15 dias depois dos suspeitos serem soltos em razão de alvará de soltura. O prejuízo da vítima de Silvânia totalizou R$ 6.780,00.

Foram apreendidos o automóvel utilizado no estelionato praticado em Silvânia e em outras cidades, bem como uma carreta reboque, utilizada para carregar os produtos do crime. Quanto aos pneus, os investigados alegaram que os venderam para um caminhoneiro não identificado.

Segundo o delegado responsável pelo inquérito, os investigados se preparavam para praticar mais um golpe ontem, sendo impedidos em razão de suas prisões.