Operação Predador apreende objetos usados na pesca predatória em Orizona

171

As Polícias Civil e Militar de Goiás (através das equipes da Delegacias de Polícia de Orizona, Pires do Rio e Santa Cruz; do GPT e Patrulha Rural do 11° BPM de Pires do Rio e do BPM Ambiental da 3ª Cia. PM de Caldas Novas) deflagraram, na última sexta-feira (13), a Operação Predador, quando foi dado cumprimento a mandado de busca e apreensão em propriedade rural no município de Orizona.
Segundo a investigação, no local estaria ocorrendo possível prática de crimes ambientais, como pesca predatória, caça ilegal, presença de armas de fogo e extração ilegal de minérios.

Durante as diligências, foram apreendidos diversos objetos, dentre eles um maçarico e duas baterias, material usado em garimpo, além de uma base artesanal para confecção de armadilha – “trabuco” caseiro, disparada por mecanismo de arame – e diversos petrechos para pesca predatória: 21 unidades de redes, uma tarrafa e um espinhel, que foram recolhidos pelas forças de segurança para fins de destruição.

Encerrada a operação, o cumprimento foi comunicado ao juízo de Orizona, sendo que os objetos apreendidos servirão para instruir inquérito policial em andamento, no qual os suspeitos serão individualizados e indiciados oportunamente, sendo que as diligências também têm como objetivo levar mais segurança à população rural do município.