Operação Reincidência prende 12 pessoas em Goiatuba por tráfico; grupo comercializava drogas mesmo preso ou usando tornozeleira

173

A Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia de Polícia (DP) de Goiatuba, deflagrou nesta terça-feira (12) a Operação Reincidência objetivando o cumprimento de 12 mandados de prisão preventiva por tráfico e associação para o tráfico de drogas e busca e apreensão.

Após meses de investigação, constatou-se que um grupo composto por 12 pessoas, oito homens e três mulheres, se dedicava ao comércio ilícito de entorpecentes na cidade de Goiatuba, sendo a maioria reincidentes específicos.

As investigações revelaram que o grupo é chefiado por um presidiário que, mesmo recluso, mantém total controle sobre a distribuição, venda e arrecadação do dinheiro proveniente do tráfico. O investigado encontra-se preso na Unidade Prisional de Anápolis.

Dentre os integrantes, quatro, sendo dois homens e duas mulheres, estavam em liberdade mediante monitoramento por tornozeleira eletrônica, após terem sido presos em flagrante comercializando drogas, o que não impediu que voltassem a delinquir.

Em poder dos investigados, foram apreendidos 3 kg de maconha, balança de precisão e celulares que seriam introduzidos nas unidades prisional para uso do grupo investigado.

A operação contou com o apoio logístico e operacional de equipes de policiais civis de Itumbiara, Morrinhos, Piracanjuba, Bom Jesus e Pontalina. Após os procedimentos de praxe, os presos foram recolhidos na Unidade Prisional de Goiatuba, onde se encontram à inteira disposição da Justiça.