Operação prende suspeito de golpe do novo número contra vítima de Águas Lindas

187

A Polícia Civil de Goiás, por meio do Grupo Especial de Investigações Criminais (Geic) da 17ª DRP e da 2ª Delegacia Distrital de Polícia de Águas Lindas de Goiás, com apoio operacional do Grupo de Repressão a Narcóticos (Genarc) de Águas Lindas, cumpriu, nesta quinta-feira (1º), em Aparecida de Goiânia/GO, um mandado de prisão preventiva, dois mandados de busca domiciliar e sequestro de 12 contas bancárias, em desfavor de autores de estelionato qualificado pela fraude eletrônica (golpe do novo número)

O crime teria sido praticado contra vítima residente em Águas Lindas/GO, entre os dias 18 a 20 de julho de 2022. Conforme apurado, os autores, após se passarem por filho da vítima, fizeram com que ela transferisse cerca de R$ 15 mil em favor de um dos membros do esquema criminoso.

Após diligências típicas de Polícia Judiciária, foi demonstrado que um dos autores, no celular usado para consumar o crime perpetrado em desfavor da vítima de Águas Lindas/GO, habilitou 69 chips apenas nos últimos seis meses, o que lhe possibilitava aplicar golpes semelhantes contra vítimas de diversos estados da Federação.

Com o cumprimento das formalidades de praxe, o preso segue à disposição do Poder Judiciário local.