Agressor sexual é preso em flagrante em Cumari

481
IMG-20160810-WA00011
Sebastião Neto Duarte

Policiais civis da Delegacia de Polícia de Cumari de Goiás, no sul do estado, realizaram, na tarde de terça-feira, 9, a prisão em flagrante delito do vaqueiro Sebastião Neto Duarte, 57, acusado de estupro de vulnerável e favorecimento à prostituição (respectivamente Artigos 217-A e 228, Parágrafo 2º, do Código Penal Brasileiro).

O indiciado teria abordado uma adolescente e, após tocar-lhe de maneira violenta, ofereceu-lhe dinheiro com o objetivo de praticar ato libidinoso com a vítima, apesar da resistência desta em ceder às investidas do vaqueiro. No interrogatório, Sebastião negou o fato. A pena para os crimes é de reclusão de oito a 15 anos.