Autor de latrocínio no Paraná é preso em Aparecida de Goiânia

357

A Polícia Civil, por meio do Grupo de Repressão a Narcóticos (Genarc) de Aparecida de Goiânia, prendeu nessa segunda-feira (03), um homem de 30 anos. Durante investigação em andamento na especializada, os policiais civis identificaram que um homem, condenado por latrocínio ocorrido no Paraná, estava escondido em uma casa de Aparecida, no Setor Colina Azul. Durante monitoramento do investigado, descobriram que ele foi condenado – com trânsito em julgado – a penas de 14 anos e 06 meses de reclusão por roubo seguido de morte e estaria no imóvel usando um documento falso em nome de outra pessoa daquele estado. Contra ele, havia mandado de prisão em aberto para cumprimento.

Quando foi abordado, ele apresentou documento de identidade materialmente verdadeiro, porém, com sua foto inserida, visando não ser preso. Diante do fato, foi dada voz de prisão em flagrante por uso de documento falso e sua verdadeira identidade foi confirmada através da Unidade Avançada de Serviços Papiloscópicos de Aparecida de Goiânia.

Ele foi preso e autuado por uso de documento falso e, caso seja condenado por este crime, podem ser impostas penas de 02 a 06 anos de reclusão. O autuado foi recolhido na carceragem da 4ª DDP de Aparecida de Goiânia.