Deam de Goianésia prende suspeito de agredir e tentar matar companheira; filha do casal implorou para que mãe não fosse morta

109

A Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Goianésia prendeu em flagrante na segunda-feira (21) um homem de 31 anos após ameaçar de morte e agredir fisicamente sua companheira, 37 anos.

A vítima narrou que convive em união estável com o autor há 11 anos. Relatou que já foi agredida, mas que foi a primeira vez que procurou a polícia. No dia dos fatos, o companheiro acusou a vítima de traição e mandou ela ir embora de casa, senão ele a mataria. Após, passou a agredir a companheira com murros e chutes em suas costas e cabeça. Não satisfeito, pegou um punhal e colocou no pescoço da vítima, ameaçando matá-la. Naquele momento, a filha da vítima implorou para que ele não matasse sua mãe e conseguiu acionar a Polícia. O homem, após o acionamento da polícia, proferiu mais ameaças de morte e fugiu.

Os policias civis, no entanto, conseguiram localizar o agressor e efetuar sua prisão. Também apreenderam uma arma de fogo. O investigado responderá pelos crimes de lesão corporal qualificado pela violência doméstica e familiar, ameaça e posse arma de fogo.