Deam de Planaltina efetua prisão de mais um “stalker”

201

A Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Planaltina de Goiás, prendeu preventivamente, no dia 12 de maio, W.R.Q. de 32 anos, pelo crime de perseguição. Desde meados de abril, o investigado W.R.Q vinha perseguindo a ex-companheira J.M.O, mediante ameaças realizadas presencialmente e através de aplicativo Whatsapp.

Em uma das ocasiões, a vítima chegou a enviar mensagem a uma pastora pedindo que orasse por ela: “Pastora não sei se vou conseguir ir para oração de manhã. Cheguei do trabalho e já são 2h20, mas até agora estou acordada com W. me perturbando. Se eu não conseguir ir ore por mim, por favor”, disse a vítima.

O investigado W.R.Q cumpria pena pelo crime de homicídio, porém, as restrições impostas pelo cumprimento de pena não impediram que ele empreendesse atos de perseguição à vítima, após o fim do relacionamento.

Nesse contexto, a Deam de Planaltina-GO representou pela prisão preventiva do investigado W.R.Q e deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva expedido pelo juízo da comarca de Planaltina-GO.  Em menos de dois meses da criação da nova modalidade delitiva, a Deam de Planaltina já efetuou duas prisões em razão desse tipo de crime.