Deam Goianésia efetua duas prisões em flagrante contra autores de violência doméstica em menos de 24h

81

A Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Goianésia  prendeu, em menos de 24h, na última semana, dois homens em flagrante suspeitos dos crimes de injúria, ameaça, lesão corporal e descumprimento de medidas protetivas de urgência. Ambos os casos aconteceram na cidade de Goianésia e têm características em comuns. Dois ex-maridos, descontentes com os términos dos relacionamentos, foram até as casas das respectivas ex-esposas, as agrediram, injuriaram e as ameaçaram de morte.

No primeiro caso, o ex-marido foi até a casa da ex-esposa, que por sinal já havia procurado a delegacia, e, pelo fato de já ter sido vítima de violência doméstica, solicitado medidas protetivas de urgência. As medidas foram deferidas pelo Poder Judiciário, mas o autor começou a xingá-la e pedi-la para que abrisse a porta. Após a negativa da vítima, o autor arrombou a porta e entrou, instante em que começou a agredi-la com socos em seu rosto e empurrões. Em seguida pegou uma faca e a ameaçou de morte caso chamasse a polícia. O investigado foi autuado pelos crimes de descumprimento de medidas protetivas de urgência, injúria, ameaça e lesão corporal.

No segundo caso, o ex também foi à casa da vítima por volta das 02h da madrugada. Embriagado, começou a agredi-la com tapas e socos, pegou uma faca e a ameaçou de morte. Foi apresentado também à autoridade policial acessórios e munições de arma de fogo pertencentes ao autor. O investigado foi autuado pelos crimes de ameaça, lesão corporal e posse irregular de arma de fogo.  Vale ressaltar que ele já possui diversas passagens policiais por crimes como receptação, porte ilegal de arma de fogo e crimes envolvendo violência doméstica. A delegada responsável pelo caso, Dra Poliana Bérgamo, representou à autoridade judicial pela decretação da prisão preventiva, prisão esta que o mantém recluso.