Genarc de Aparecida de Goiânia fecha boca de fumo

933

Policiais Civis do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (Genarc) de Aparecida de Goiânia prenderam, na tarde desta quarta-feira (20, Liran Mozar dos Santos Delfino por tráfico de drogas.

De acordo com investigações iniciadas para identificar o traficante responsável pelo fornecimento de drogas para travestis que atuam no Setor dos Motéis, a Polícia realizou busca na residência de Liran Mozar, onde foram apreendidos 48 papelotes de cocaína, 41 pedras de crack, 16 porções de maconha, além de dinheiro em cédulas de pequeno valor.

O autuado confessou que vendia drogas no local, tendo como seus clientes alguns travestis e acompanhantes. Foi dada voz de prisão para Liran, que já havia sido apreendido quando menor por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo de uso restrito.

Na sede do Genarc foi por tráfico de drogas. Após a formalização dos procedimentos, foi recolhido a carceragem da delegacia e caso seja condenado poderá ter penas que variam de 5 a 15 anos de reclusão.