Genarc e Gepatri recuperam arma de fogo furtada e efetuam prisões na Operação Incessante

218

No início da noite da última quarta-feira (30), equipes do Grupo de Repressão a Narcóticos (Genarc) e do Grupo de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Gepatri) da Polícia Civil de Jataí localizaram e apreenderam arma de fogo e munições furtadas de uma residência. Após acompanhamento de um mototaxista já suspeito do transporte de produtos ilegais, as equipes o interceptaram em via púbica e, durante a realização de busca pessoal, foi localizado envolto a um saco plástico e pedaços de pano uma pistola calibre 380 e munições do mesmo calibre.

Durante a ação policial, o mototaxista confessou que sabia do teor da encomenda, admitindo que estava transportando a arma após ser contratado por um preso da cadeia pública da comarca de Jataí-GO. Ainda durante as diligências, as equipes chegaram até o receptador, dono de uma loja de celulares localizada no camelódromo da parte baixa da cidade. Diante de sua prisão em flagrante, o técnico em manutenção de celulares, num primeiro momento, confessou a receptação da arma e posteriormente mudou de versão, alegando que apenas guardaria a arma para um amigo, o que não convenceu os policiais.

Diante das incongruências das informações, o dono da referida loja foi preso em flagrante pelo crime de receptação, tendo sido concedida fiança de cerca de 16 mil reais.  Já o mototaxista foi autuado pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo e também por receptação.