Gepatri de Formosa apreende menores por atos infracionais análogos a crimes patrimoniais e lesão corporal

465

O Grupo Especial de Repressão a Crimes Patrimoniais (Gepatri) de Formosa cumpriu, na terça-feira (04), dois mandados de internação em desfavor de dois menores envolvidos em atos infracionais equiparados a crimes. Um deles, com auxílio de uma segunda pessoa e por emprego de um simulacro de arma de fogo, mediante violência e grave ameaça exigiu o celular de uma vendedora da feira Ibrahim Jorge. Após o fato, ele empreendeu fuga. O outro responde por lesões corporais. Os adolescentes encontram-se à disposição da Vara da Infância e Juventude da Comarca de Formosa. O delegado José Antônio Sena elogia o empenho da equipe.