Gepatri de Luziânia conclui investigação de latrocínio e prende autor

219

A Polícia Civil, por meio do Grupo de Repressão a Crimes Patrimoniais (Gepatri) de Luziânia, cumpriu mandado de prisão preventiva, na última sexta-feira (15), expedido contra autor do crime de latrocínio. O fato ocorreu no dia 06 de janeiro deste ano, no Jardim Zuleika, bairro de Luziânia. O crime foi praticado por dois suspeitos, sendo que o primeiro deles já havia sido preso pelo Gepatri no dia do fato.

O indivíduo preso foi interrogado e confessou em detalhes o crime, inclusive narrando para a equipe da polícia civil a localização da arma de fogo que foi utilizada na prática do delito. Após as diligências, os trabalhos investigativos da Polícia Civil foram concluídos.

Todos os autores estão presos, a arma do crime foi apreendida e os objetos da vítima foram localizados. Além do cumprimento do mandado de prisão pelo crime de latrocínio, o indivíduo também foi autuado em flagrante delito pelo crime de posse irregular de arma de fogo de uso permitido.  O preso foi encaminhado ao presídio da cidade e encontra-se, agora, à disposição do Poder Judiciário.