GIH de Luziânia prende mais dois por homicídio qualificado

578

WhatsApp Image 2017-06-30 at 18O Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Luziânia realizou operação que culminou na prisão de dois suspeitos de homicídios qualificados na sexta-feira (30). O primeiro deles, Jefferson Meireles da Silva, 30 anos, está condenado a nove anos e seis meses de reclusão pela prática desse crime, praticado no ano de 2011 em Rio Verde.

À época, após uma discussão banal e na presença de familiares da vítima, Jefferson matou Cícero com disparos de arma de fogo em frente à casa deste. Ao ser posto em regime semiaberto para cumprir o restante da pena, o homicida deixou aquela comarca e optou por se homiziar em Luziânia, na residência de sua genitora, onde acabou preso pelos investigadors do GIH de Luziânia em cumprimento mandado de prisão.

O segundo suspeito é Tiago Rodrigues de Melo, 32 anos, investigado pela prática dos crimes de homicídio qualificado e tentativa de homicídio qualificado em novembro de 2015. Na oportunidade, após se envolver numa briga na saída de um forró no Parque Estrela Dalva II, em Luziânia, Tiago sacou uma arma de fogo e efetuou disparos na direção das vítimas, os irmãos José Carlos da Silva e Ricardo Damião da Silva.