GIH de Luziânia prende suspeito de homicídio ocorrido em 2017

308

Policiais civis do Grupo de Investigações de Homicídios (GIH) de Luziânia, com apoio de policiais do Grupo de Repressão a Narcóticos (Genarc), cumpriram, no dia 23 de janeiro, mandado de prisão em desfavor de suspeito da prática de homicídio ocorrido em janeiro de 2017, no Povoado dos Americanos, município de Luziânia/GO.

De acordo com as investigações, o indiciado e seus amigos se envolveram em uma briga. Durante a confusão, o indiciado sacou um revólver calibre 38 e efetuou os disparos, provocando a morte de Mikael Dourado Roriz. O suspeito chegou a se apresentar na delegacia e confessou a prática do crime, porém, antes do encerramento da investigação, fugiu do município, razão pela qual foi requerida sua prisão preventiva.

Desde então, o indiciado estava foragido. Após as investigações sobre seu paradeiro, ele foi localizado no município de Cristalina/GO. Ainda durante sua captura e cumprimento do mandado, foi localizada em sua residência uma espingarda calibre 28, munições e petrechos para fabricação e recarga de munições. Portanto, além do cumprimento do mandado de prisão, foi dada voz de prisão em flagrante pelo crime de posse de arma de fogo e recarga ilegal de munição.