GIH de Novo Gama prende suspeito de homicídio; vítima morreu ao defender amiga

147

A Polícia Civil de Goiás, por meio do Grupo de Investigação de Homicídios de Nova Gama,  cumpriu, no dia 25 de janeiro, mandado de prisão temporária em desfavor de F.L.O., apontado como um dos autores do homicídio qualificado praticado em desfavor de Tagner Ribeiro de Almeida, ocorrido no dia 7 de abril do ano passado, naquele município.

De acordo com as investigações, a vítima estava passando pelo local dos fatos quando uma amiga que estava sendo agredida lhe pediu ajuda. De imediado, Tagner aproximou-se e interveio para cessar as agressões, momento em que um dos autores desferiu um golpe de faca em seu tórax. Em seguida, a vítima foi socorrida, mas não resistiu ao ferimento.

Após notícia da morte, o GIH instaurou inquérito para apurar a autoria do suposto homicídio. Durante às investigações, foi constatado que um dos autores foi F.L.O., em desfavor do qual a autoridade policial representou por prisão temporária. Ele foi recolhido no presídio de Novo Gama. Agora, as investigações prosseguem a fim de localizar o coautor do crime.