Homem é preso em flagrante por porte de arma em Quirinópolis

49

Na noite dessa segunda-feira (22), o Batalhão Rural da Polícia Militar apresentou, na Delegacia de Polícia (DP) de Quirinópolis, dois rapazes que foram parados no bloqueio policial e traziam, no interior do veículo, uma espingarda cal. 22 e um gado já abatido e dividido em partes. O autor explicou que havia comprado 11 arrobas do gerente de uma fazenda.

Na Delegacia de Polícia, o conduzido foi autuado em flagrante somente pelo porte ilegal de arma de fogo, nos moldes do art. 14 da Lei 10.826/03 (porte ilegal de arma de fogo de uso permitido), precipuamente porque não havia nenhuma vítima, naquele momento, do suposto crime de furto de semovente.

Em virtude da divulgação em mídias sociais de que os conduzidos são autores de furto de gado, inclusive com a postagem de um suposto vídeo do momento exato do crime, a Polícia Civil esclarece que os fatos não condizem com a realidade, e que o gado apreendido não é produto de crime. A investigação célere e comprometida dos policiais civis concluiu que o animal havia sido adquirido pelo homem pelo valor de mercado, abatido na fazenda do vendedor e transportado já em partes pelo adquirente.