Investigado da 23ª DDP por integrar central telefônica de golpes é preso em Santos

109

Os policiais civis da 23ª Delegacia Distrital de Polícia (DDP) de Goiânia, com apoio de policiais Deic Santos (PCSP), deu cumprimento, na manhã de hoje (17), na cidade do Guarujá (SP), a um mandado de prisão e outro mandado de busca e apreensão em desfavor de um homem suspeito de integrar organização criminosa especializada na prática de estelionatos em face primordialmente de idosos.

O grupo sediado na capital paulista e na referida cidade litorânea mantinha falsa central telefônica de onde partiam ligações a idosos informando sobre a suposta clonagem de cartões bancários enganando as vítimas que entregavam os objetos espontaneamente acompanhados das senhas. Os investigados se favoreceram de diversas transações financeiras indevidas, tendo papel ativo na ocultação do produto dos crimes, causando um prejuízo de aproximadamente R$ 60 mil a pelo menos duas vítimas de Goiânia no mês de fevereiro deste ano.

Informações colhidas pela 23ª DDP davam conta de que diversas delegacias do interior de Goiás e uma especializada estadual também investigavam o grupo, suspeito de crimes em várias localidades do Estado. Após longa investigação e com o apoio do Instituto de Identificação de SP, foi possível identificar o homem responsável pelo recolhimento dos cartões bancários das vítimas.

Durante o cumprimento do mandado de busca e apreensão, foram localizados diversos itens de vestuário e eletrônicos adquiridos com o produto dos crimes, sendo o investigado autuado em flagrante pelo crime de associação criminosa pela PCSP, haja vista as informações repassadas pela 23ª DDP de Goiânia.