Partícipe de feminicídio é preso em Joviânia

109

Os policiais civis de Joviânia, com o apoio da Polícia Militar local, prenderam em flagrante delito E. N. G, jovem de 27 anos, pela prática do crime de feminicídio, praticado em desfavor da vítima R. S. A, 32 anos.

A investigação do crime começou depois que a Polícia Civil foi informada, no último domingo (14), sobre o encontro do corpo de uma mulher com suspeita de morte violenta. Após diversos levantamentos, diligências e confirmações de informações recebidas anonimamente, foi possível chegar ao suspeito de participar da ação criminosa.

Ao ser preso em flagrante, E. N. G. confessou a prática do crime e informou que havia levado a vítima ao encontro de seu ex-companheiro, o qual havia lhe dito que a mataria em virtude de uma “Maria da Penha” registrada anteriormente. Ao final, ele confirmou ainda que recebeu oito pedras de crack como pagamento por ter levado a vítima para ser morta pelo ex-companheiro.

O partícipe foi autuado e, em caso de condenação, poderá sofrer pena de até 30 anos de prisão. Os policiais ainda continuam em diligências a fim de localizar o ex-companheiro da vítima, que já se encontrava foragido.

O crime foi praticado com requintes de crueldade, pois a vítima teve sua cabeça batida várias vezes no chão, sem que ela tivesse qualquer chance de defesa, além de apresentar sinais de possível violência sexual.