PC cumpre mandados de buscas em Simão Simão; Secretária municipal teria ameaçado autoridades

312

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia (DP) de São Simão, deflagrou nessa quinta-feira (05) a Operação Exorcismo. A operação deu cumprimento a mandados de busca e apreensão expedidos pelo Poder Judiciário local, por representação do Delegado de Polícia, depois de tomar conhecimento de que a Secretária Municipal de Saúde de São Simão teria contratado uma “benzederia e taróloga” da cidade para que ela fizesse um “trabalho” para eliminar a vida de diversas autoridades e pessoas do município, no intuito de proteger seu tio, o prefeito de São Simão que foi preso recentemente, sendo investigado por suposto envolvimento em crimes de pedofilia, investigados pelo Ministério Público Estadual.

Foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão, na residência da investigada e em seu gabinete, localizado na Secretaria Municipal de Saúde. Foram apreendidos notebooks, aparelho de telefone celular, agenda e anotações, a fim de que seja apurada a existência de outros crimes que a Secretária tenha cometido ou estaria tentando cometer.

Também foram apreendidos os objetos que seriam utilizados para a execução do plano delitivo: dois caixões em miniatura, um boneco conhecido como “vodu”, uma cabeça feita de vela, que representaria a cabeça do Delegado de Polícia, que segundo a benzedeira, seria para ser “arrancada de seu pescoço”, bem como papéis com anotações dos nomes das pessoas que deveriam ter suas vidas ceifadas. Além do dano moral supostamente causado aos envolvidos, a investigada poderá responder pelos crimes de ameaça e outros que forem identificados no curso das investigações.