PC de Jaraguá conclui inquérito e indicia autores de latrocínio ocorrido em 2016

579

Três pessoas foram apontadas pela Polícia Civil de Jaraguá como responsáveis pelo latrocínio que vitimou Juarez Gonçalves Cruz no dia 29 de janeiro de 2016. O inquérito foi finalizado pelo delegado Glênio Ricardo Costa, que indiciou Gabriel Barbosa Fonseca, Lucas Antônio da Silva e Janduhi Cabral Diniz Filho.

Glênio explicou que à época o crime trouxe bastante comoção, pois a vítima era bastante conhecida além de ser motorista de um deputado estadual da cidade. Juarez havia ido até a panificadora pela manhã e lá, reagiu a um assalto e, então, foi morto por projétil de arma de fogo.”Dezenas de diligências foram realizadas pelos incansáveis policiais civis. Ficou consubstanciado nos autos que Lucas e Janduhi ficaram dentro de um carro, enquanto Gabriel desceu armado para praticar o roubo na panificadora. Após roubar a panificadora e um cliente que ali se encontrava, a vítima Juarez entrou, foi abordada e reagiu e, neste momento, foi morta friamente”, comentou.

O delegado afirmou que Lucas e Gabriel possuem várias passagens policiais por diversos crimes e estão presos atualmente. A Polícia Civil vai representar pelas prisões preventivas de todos os envolvidos no delito e o inquérito policial será remetido ao Poder Judiciário.