PC prende homem que xingou e humilhou companheira no dia do seu aniversário

58

Na manhã de hoje (24/1), a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Aparecida de Goiânia recebeu informação da Defensoria Pública de que uma vítima estaria mandando umas mensagens estranhas para o telefone funcional deste órgão, fato que levantou suspeitas de que a vítima estivesse sendo coagida. De imediato, a autoridade policial determinou que os policiais da delegacia fossem até o local averiguar a situação. Chegando lá, se depararam com a vítima que relatou aos policiais que hoje, dia do seu aniversário, após receber uma cesta de café da manhã do seu companheiro, travaram uma discussão por ciúme dele com relação a um filho da vítima que mora na Bahia. A vítima alegou que o agressor foi preso recentemente por agredi-la fisicamente, porém, mesmo tendo uma medida protetiva deferida a seu favor, ela deu uma segunda chance a ele e reataram o relacionamento, que perdurava por 9 meses.

A mulher contou que foi xingada e humilhada por ele hoje e manifestou interesse de que ele fosse preso. A vítima confirmou que as mensagens encaminhadas à Defensoria Pública foram escritas por ele e enviadas pelo telefone dela. Diante da narrativa da vítima, os policiais civis prenderam o agressor, de 37 anos, ajudante de pedreiro. Ele foi preso pelos crimes de injúria e violência psicológica praticados no âmbito doméstico.