Polícia Civil conclui investigação sobre desvio de verbas públicas na Câmara Municipal de Goiatuba

252

A Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia de Polícia (DP) de Goiatuba, concluiu nesta terça (29) inquérito policial que investigou um suposto desvio de dinheiro público envolvendo particulares e servidores públicos do município de Goiatuba.

Após tomar conhecimento de suposta fraude na prestação de serviços públicos consistentes em digitalização de documentos por meio de “empresas fantasmas”, a Autoridade Policial representou por mandados de busca e apreensão que foram cumpridos na Câmara Municipal de Goiatuba e nos endereços das empresas e residências dos investigados.

No curso das investigações, constatou-se que as empresas, supostamente prestadoras de tais serviços, apenas existiam “de fachada”, realizando a emissão de notas fiscais frias, ludibriando a sociedade e a própria Administração Pública.

Além disso, a investigação também constatou que os investigados não possuem equipamentos próprios de digitalização, o que reforça a inexistência do serviço efetivamente prestado e remunerado pelos cofres públicos.

Diante dos elementos de prova e das informações colhidas, foram indiciados por peculato um vereador, um servidor ocupante de cargo em comissão na Câmara dos Vereadores, o dono das empresas investigadas e sua esposa. O casal responderá também por falsidade ideológica.