Polícia Civil cumpre mandado de internação de adolescentes suspeitos de matarem um jovem em Alto Paraíso

636
Vítima

A Polícia Civil de Goiás (PCGO) e a Polícia Civil do Maranhão (PCMA) deflagraram nessa quarta-feira (09) a Operação Carcará, destinada a apreender um adolescente envolvido na morte da vítima Jeanderson Carlos Dias de Souza, 24 anos.  De acordo com as investigações, conduzidas pela Delegacia de Polícia (DP) de Alto Paraíso de Goiás, três indivíduos mataram a vítima durante um roubo perpetrado no dia 24 de outubro último. No latrocínio, foram subtraídos da vítima: um veículo (VW Gol 1.0 preto), um celular da marca “Apple” e um relógio dourado. O crime comoveu a população de São João da Aliança que no dia, inclusive, cercou o batalhão da Polícia Militar na tentativa de ceifar a vida dos suspeitos, tamanha a indignação pela crueldade com que crime foi cometido.

A vítima era bastante querido na cidade, cheio de vida e conhecido da população local. As investigações foram iniciadas após o corpo da vítima ter sido encontrado, no mesmo dia do crime, em um aterro sanitário localizado no município de São João D’Aliança.

Um dos adolescentes envolvido no caso já havia sido apreendido, em momento anterior, pela Polícia Civil  de Goiás (PCGO). O segundo adolescente, também autor do latrocínio, estava foragido, mas foi apreendido nessa quarta-feira no município de Governador Nunes Freire (MA). Ambos os menores têm 17 anos.

A apreensão dessa quarta foi realizada pela Polícia Civil do Maranhão (Delegacia de Governador Nunes Freire), após as investigações da Polícia Civil de Goiás terem confirmado o endereço em que o indivíduo poderia ser localizado.

Os dois adolescentes apreendidos pela Polícia Civil estão agora à disposição do Poder Judiciário, cumprindo medida de internação provisória. Um terceiro envolvido ainda não foi identificado.