Polícia Civil de Niquelândia faz operação e encontra spray utilizado como droga

503

Policiais civis de Niquelândia realizaram, no dia 14 de setembro, uma ação repressiva na região do “Café Muquém”, estabelecimento que foi palco de um tiroteio há menos de uma semana, que resultou em três pessoas feridas. Durante a incursão, os agentes encontraram um frasco de substância conhecida como o crack das drogas sintéticas. Entre os presentes no momento da abordagem, estavam jovens, menores de idade e muitos frequentadores com passagens na polícia por crimes como roubo, furto e tráfico de drogas.

Como o local funcionava sem a devida autorização legal, os agentes civis fecharam o estabelecimento, dispensaram os frequentadores e tomaram as medidas cabíveis com relação aos menores de idade. Ainda por oportunidade da realização das buscas pessoais, os investigadores localizaram um frasco de spray antirrespingo para solda, uma forma de drogadição semelhante à administração do lança-perfume.

O antirrespingo é uma substância química que possui em sua fórmula o tricloro etileno (um solvente industrial), cuja funcionalidade é desengordurar peças metálicas, além de servir também como ingrediente em adesivos e líquidos para remoção de pinturas. Os efeitos colaterais do uso incluem parada cardiorrespiratória, surtos psicóticos, quadros de depressão, perda de raciocínio, comprometimento renal e do fígado. Por isso, o antirrespingo ficou conhecido como o “crack” das drogas sintéticas.