Polícia Civil prende autor de homicídio em Caldas Novas

597

A equipe da Delegacia de Polícia (DP) de Caldas Novas deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva em desfavor de José Januário da Silva Neto, vulgo “Neto Silva”, 28 anos. Ele foi preso na manhã desta quarta-feira (5). Neto é apontado como coautor de um homicídio qualificado praticado em desfavor de Ítalo Gabriel Vieira de Oliveira, de 19 anos, ocorrido no dia 30 de novembro de 2017, na Rua do Contorno, Setor Parque Real.

No dia dos fatos, a vítima estava acompanhada de alguns amigos, oportunidade em que foram surpreendidos por quatro indivíduos que estavam numa caminhonete. Um dos ocupantes do veículo efetuou diversos disparos na direção de Ítalo, que foi atingido por três tiros nas costas e veio a óbito no local.

Conforme apurado no inquérito policial, o crime ocorreu como forma de “queima de arquivo”, já que Ítalo era testemunha ocular do homicídio praticado contra Matheus Neves Santana, morto no dia 4 de novembro do mesmo ano, numa festa no Setor Jardim Serrano.

Testemunhas apontam Neto como sendo o proprietário e motorista da caminhonete utilizada no crime. Seus comparsas, todos adolescentes à epoca dos fatos, já se encontram apreendidos/presos pela prática de outros crimes, sendo um dos adolescentes apontado como o autor do homicídio praticado contra Matheus.

O investigado José Januário da Silva, que ostenta passagens policiais por crimes de roubo, porte ilegal de arma de fogo e receptação, se encontra recolhido no presídio local, à disposição da Justiça.

Delegado responsável: Wllisses Valentim.